Desenvolvedor Front-end: como é a área e quais os salários

Você se considera um entusiasta de programação, e quer ganhar cada vez mais habilidades para conquistar boas oportunidades no mercado de tecnologia? Saiba que há diversas maneiras de adquirir experiência nesse universo.

Está procurando um bom motivo para investir em um curso de Front-end Developer e embarcar nessa carreira, mas não sabe por onde começar? Uma boa dica é pesquisar as diferentes nuances da área, o mercado de trabalho e como você pode se desenvolver na profissão.

Quer entender como o profissional de Front-End está cada vez mais valorizado pelas empresas de TI e o que o mercado reserva para essa área? Então confira o texto a seguir e fique por dentro de todas as características.

O que faz o desenvolvedor front-end

O trabalho do desenvolvedor front-end está ligado diretamente à experiência do usuário, isso é: criar plataformas intuitivas que atendam a uma demanda do cliente final. Ele é responsável por todo o conteúdo visível aos olhos de quem consome, como o design da página e os recursos de interatividade.

É cada vez mais comum vermos as pessoas substituindo os computadores por smartphones, ao menos em momentos de lazer. E é por isso que muitas empresas passaram a se preocupar com a responsividade de suas plataformas para o ambiente mobile. 

O desenvolvedor front-end é responsável por projetar o layout atrativo do site, e ainda cuidar da manutenção da plataforma depois de pronta, por meio da correção de bugs do software em uso. 

Para além dessas atribuições, o dev front-end ainda é capaz de criar páginas web por meio de codificação de HTML, CSS e Javascript. O trabalho é desenvolvido em parceria com um designer que cuidará de toda a parte gráfica da plataforma. 

Ou seja, é indispensável que o desenvolvedor saiba trabalhar em equipe para entregar um projeto completo em busca da melhor experiência possível do usuário.

A diferença entre front e back-end

Como os próprios nomes sugerem, há duas variáveis entre os desenvolvedores: enquanto o front-end implementa a interface que será entregue para o cliente, o back-end cuida de tudo que está por trás de uma aplicação. 

São trabalhos que se complementam, e inclusive já há especializações para quem deseja trabalhar com as duas frentes de projeto, que seria responsabilidade do desenvolvedor full-stack. 

Como se tornar um desenvolvedor front-end

Não sabe por onde começar para ser um desenvolvedor front-end? Não se preocupe, porque vamos te ajudar a entender as matérias principais que você aprenderá ao longo do curso.

Para começar, é imprescindível que o dev front-end domine as linguagens de marcação de hipertexto, afinal são elas que delimitam os blocos em uma página web. Isso é: dominar CSS e HTML. No início do trabalho, o mais importante é entender como funciona a configuração das tags em um arquivo, para então traduzi-las para o navegador. 

Outro conhecimento importante no processo de desenvolvimento front-end é, sem dúvidas, as linguagens de programação. A mais utilizada nesse processo é a linguagem JavaScript, responsável por todas as funcionalidades da página web.

Segundo levantamento feito pela empresa de análise de mercado RedMonk, o Javascript é a linguagem de programação mais utilizada no mundo. Portanto, é quase inviável pensar em um setor de tecnologia que não se utilize dessa ferramenta. 

Além de desenvolver as habilidades em linguagem de programação e lógica, o desenvolvedor front-end é, antes de mais nada, um eterno aluno. A área de TI exige do profissional atualização constante conforme as tecnologias avançam, por isso é bom que você invista em especializações de outras áreas para o seu portfólio, como por exemplo:

  • Node.js e servidores locais;

  • Frameworks;

  • Gerenciadores de pacotes;

  • Empacotamento de módulos;

  • Linhas de comando,

  • ES6 (ECMA Script 2015) e funções assíncronas.

Como é o mercado de trabalho do desenvolvedor front-end?

A carreira como dev front-end abrirá várias portas para o seu futuro profissional, já que essa é uma das profissões mais valorizadas do setor de TI. 

Graças aos investimentos em transformação digital realizado pelas empresas e a disseminação de startups, surgiu uma enorme demanda pelo profissional dev – ao mesmo tempo que falta desenvolvedores capacitados no mercado.

Portanto, há bastante vaga para poucos especializados. E por isso a importância de se investir em um curso de especialização em Front-End Developer para aprender os macetes da área. Se você deseja trabalhar em uma área flexível e repleta de oportunidades de crescimento, o Front-End provará que é uma escolha certeira. 

Por ser uma carreira maleável e que não exige trabalhos alocados, é uma profissão que gera autonomia para o funcionário, já que ele pode trabalhar da maneira que ele se sentir mais à vontade: remoto, no exterior, em startups, multinacionais etc. E como já citamos anteriormente, você pode desenvolver novas habilidades e crescer rápido na carreira, avançando para salários cada vez mais satisfatórios.

Qual a média salarial?

Assim como a grande maioria das profissões ligadas ao setor da tecnologia, a de desenvolvedor front-end não seria diferente: ela oferece ótimos salários. 

Segundo o portal Glassdoor, que compila salários de empresas de todo o Brasil, o ganho médio de um iniciante na área é de R$5 mil, podendo chegar até a R$25 mil, dependendo do cargo hierárquico e das experiências prévias. 

Por isso a dica é que você mantenha-se sempre atualizado sobre as novas tendências e aprendizados do setor, para que consiga promoções de empregos cada vez melhores.

Como você pode observar, o profissional de front-end é considerado uma peça fundamental em empresas de diversos setores, afinal o mercado tem evoluído cada vez mais para o digital e não são só as empresas de tecnologia que focam em ferramentas de programação. 

O curso online de Front-End Developer da Skill Lab foi desenvolvido para o aluno que deseja se especializar na área por meio de um curso técnico e prático, aprendendo de maneira rápida com os melhores recursos acadêmicos.

Ficou interessado em desenvolver suas habilidades no ramo?

Saiba mais sobre o curso

NOSSOS CURSOS ESTÃO COM UM DESCONTÃO
Entre em contato com a nossa equipe agora mesmo